20 fevereiro 2024

iii-Brasil: Problemas ambientais, cerco a Bolsonaro e epidemia de dengue ofuscam carnaval na imprensa estrangeira

Na semana da maior festa de rua do país, jornais internacionais deram mais destaque a reportagens sobre o possível ponto sem retorno da destruição da Amazônia, crise na saúde e novas revelações sobre uma suposta tentativa de golpe do ex-presidente

Na semana da maior festa de rua do país, jornais internacionais deram mais destaque a reportagens sobre o possível ponto sem retorno da destruição da Amazônia, crise na saúde e novas revelações sobre uma suposta tentativa de golpe do ex-presidente

Por Daniel Buarque e Fabiana Mariutti*

iii-Brasil – de 12 a 18/2 de 2024

Visibilidade: 37 reportagens em 7 veículos analisados

Classificação das notícias:

24% Neutras

49% Negativas

27% Positivas

Na semana da maior festa popular do Brasil, e um dos sinônimos da imagem do país no exterior, a cobertura internacional do carnaval foi ofuscada por notícias negativas sobre o país na imprensa estrangeira. Os principais destaques do período foram reportagens sobre a situação da Floresta Amazônica, sobre a crescente epidemia de dengue no país e a respeito de novos desdobramentos sobre a investigação sobre uma possível tentativa de golpe de Estado pelo ex-presidente Jair Bolsonaro.

No total, foram registrados na terceira semana de fevereiro 37 textos com menção ao Brasil nos sete veículos analisados, volume abaixo da média semanal do Índice de Interesse Internacional (iii-Brasil). A maior proporção dos textos teve tom negativo, atingindo 49% da cobertura sobre o país. As menções neutras foram 24%, e as positivas chegaram a 27%. 

https://interessenacional.com.br/edicoes-posts/entenda-como-funciona-o-indice-de-interesse-internacional-monitoramento-de-noticias-sobre-o-brasil-no-exterior/

“Um colapso da Amazônia pode estar chegando ‘mais rápido do que pensávamos’, diz reportagem do jornal americano The New York Times. “Amazônia pode atingir um ponto de não retorno já em 2050, deixando toda a floresta em risco”, destacou reportagem do jornal português Público. O texto apresenta um estudo da revista Nature que analisou os vários fatores que ameaçam a floresta e indica que, em 26 anos, entre 10% e 47% da floresta estão em risco de se degradar, o que pode pôr em risco todo o bioma.

“O documento, que é o mais abrangente na sua análise dos impactos compostos da atividade humana local e da crise climática global, alertou que a floresta já tinha ultrapassado um limite seguro e apelou a medidas corretivas para restaurar áreas degradadas e melhorar a resiliência das florestas”, explica texto no jornal britânico The Guardian.

Além da questão ambiental, a situação da saúde brasileira também chamou a atenção no exterior. “Brasil é ameaçado por uma epidemia de dengue sem precedentes”, diz título de reportagem do jornal Le Monde. “O país vive uma explosão no número de contaminações, principalmente em Brasília, a capital, onde a incidência é de 1.700 casos de dengue por 100 mil habitantes. Os hospitais estão lutando para lidar com o fluxo de pacientes”, explica.

“O Brasil tem uma emergência de dengue, pressagiando uma crise de saúde para as Américas”, avalia o jornal argentino Clarín, indicando que a doença pode se alastrar até mesmo a Porto Rico, Texas e Flórida.

Ao mesmo tempo, o carnaval foi citado apenas em 25% das menções ao país no período, e boa parte dessas citações se deu em reportagens sobre outros temas, como a crise de dengue. Poucos foram os destaques tratando especificamente da festa nacional. 

Outro destaque da semana na cobertura internacional sobre o Brasil foram desdobramentos das investigações sobre a atuação do ex-presidente por um golpe no país. Em editorial intitulado “Bolsonaro contra a democracia”, o jornal espanhol El País diz que “o ex-presidente brasileiro enfrenta a acusação de promover um golpe de Estado que teve sua expressão mais notória em Brasília” No argentino Clarín, três textos são publicados, um aborda que Bolsanaro admite ter enviado dólares aos  Estados Unidos, outro texto relata a possível prisão do ex-presidente e outro comenta sobre a intenção do golpe – mensagens do Whatsapp e outras materiais  que complicam a extrema-direita e seu círculo íntimo.

Ao mesmo tempo, é importante ressaltar que notícias sobre as declarações do presidente comparando a ação de Israel em Gaza ao Holocausto não chegaram a ter destaque na mídia internacional até o fim do domingo (18), mas chegaram a aparecer a partir da segunda-feira (19) e serão tratados na próxima semana. 

Retrospectiva 

Desde o início de abril de 2022, o iii-Brasil coletou e analisou em média 59 reportagens por semana com menções de destaque ao país nos sete veículos de imprensa analisados. 

Ao longo do levantamento, o iii-Brasil registrou em média 49% de reportagens de tom neutro, 30% de menções com tom negativo e 21% de textos positivos sobre o país. 


*Daniel Buarque é pesquisador no pós-doutorado do Instituto de Relações Internacionais da USP (ISI/USP), doutor em relações internacionais pelo programa de PhD conjunto do King’s College London (KCL) e do IRI/USP. Jornalista, tem mestrado em Brazil in Global Perspective pelo KCL e é autor de livros como Brazil’s international status and recognition as an emerging power: inconsistencies and complexities (Palgrave Macmillan), Brazil, um país do presente (Alameda Editorial) e O Brazil é um país sério? (Pioneira). É editor-executivo do portal Interesse Nacional.

Leia mais artigos de Daniel Buarque

Fabiana Mariutti atua como pesquisadora, professora universitária e consultora; obteve pós-doutorado, doutorado e mestrado em Administração e bacharel em Comunicação Social. Estuda a imagem, reputação e marca Brasil desde 2010. Interesse nas áreas de Place Branding e Public Diplomacy. Nomeada Place Brand Expert pelo The Place Brand Observer. Autora dos livros: “Country Reputation: The Case of Brazil in the United Kingdom: Four Stakeholders’ Perspectives on Brazil’s Brand Image(2017) e Country Brand Identity: Communication of the Brazil Brand in the United States of America (2013).


O Índice de Interesse Internacional (iii-Brasil) é uma análise da imagem do país realizada a partir de um levantamento sistemático de dados sobre notícias que mencionam o Brasil a cada semana em sete publicações internacionais, selecionadas como representativas da imprensa internacional por serem reconhecidas internacionalmente como “newspapers of record”. São elas: The Guardian (Reino Unido), The New York Times (Estados Unidos), El País (Espanha), Le Monde (França), Clarín (Argentina), Público (Portugal) e China Daily (China).

Artigos e comentários de autores convidados não refletem, necessariamente, a opinião da revista Interesse Nacional

Cadastre-se para receber nossa Newsletter