19 agosto 2022

Debate – A ausência do Estado na Amazônia no combate aos ilícitos e aos crimes transacionais

Centro de Defesa e Segurança Nacional (Cedesen) realizou um debate com o intuito de examinar a presença ou a ausência do Estado na Amazônia no momento em que os ilícitos se acentuam e o crime organizado ocupa crescente espaço em crimes transnacionais

Quais as dificuldades para o Estado desempenhar o papel que lhe cabe na defesa da soberania nacional na Região Amazônia? A fim de entender isso, o Centro de Defesa e Segurança Nacional (Cedesen) realizou um debate com o intuito de examinar a presença ou a ausência do Estado na Amazônia no momento em que os ilícitos se acentuam e o crime organizado ocupa crescente espaço em crimes transnacionais.

O encontro foi moderado pelo embaixador Rubens Barbosa, presidente do Cedesen, e contou com a participação do ex-ministro de Estado da Defesa e Presidente do Conselho Consultivo do CEDESEN Raul Jungmann, do fundador e Diretor Executivo do Instituto Escolhas Sergio Leitão, e da especialista sênior em políticas públicas do Observatório do Clima e ex-presidente do IBAMA, Sueli Araújo.

Assista ao debate completo abaixo


Daniel Buarque é editor-executivo do portal Interesse Nacional. Pesquisador no pós-doutorado do Instituto de Relações Internacionais da USP (IRI/USP), doutor em relações internacionais pelo programa de PhD conjunto do King’s College London (KCL) e do IRI/USP. Jornalista, tem mestrado em Brazil in Global Perspective pelo KCL e é autor de livros como "Brazil’s international status and recognition as an emerging power: inconsistencies and complexities" (Palgrave Macmillan), "Brazil, um país do presente" (Alameda Editorial), "O Brazil é um país sério?" (Pioneira) e "o Brasil voltou?" (Pioneira)

Artigos e comentários de autores convidados não refletem, necessariamente, a opinião da revista Interesse Nacional

Cadastre-se para receber nossa Newsletter