18 outubro 2022

iii-Brasil: Após recordes de visibilidade, diminui o interesse da imprensa estrangeira sobre o Brasil

No intervalo entre o primeiro e o segundo turno das eleições, levantamento coletou 51 reportagens com menção ao Brasil em sete veículos da mídia internacional. Maior parte da cobertura tinha tom neutro, um quarto dos textos sobre o Brasil eram negativos e apenas 8% eram positivos

No intervalo entre o primeiro e o segundo turno das eleições, levantamento coletou 51 reportagens com menção ao Brasil em sete veículos da mídia internacional. Maior parte da cobertura tinha tom neutro, um quarto dos textos sobre o Brasil eram negativos e apenas 8% eram positivos

Por Daniel Buarque e Fabiana Mariutti*

iii-Brasil – 10 a 16 de outubro de 2022

Visibilidade: 51 reportagens em 7 veículos analisados

Classificação das notícias:

67% Neutras

25% Negativas

8% Positivas

Após duas semanas de grande visibilidade internacional e recorde de textos com menções ao Brasil na imprensa estrangeira, a quantidade de reportagens sobre o país no exterior retornou para a quantidade mais próxima da média semanal registrada desde o começo do ano. Depois da grande atenção chamada pelo primeiro turno das eleições presidenciais, a cobertura global se retrai enquanto aguarda a votação no segundo turno.

Na semana de 10 a 16 de outubro foram registradas 51 reportagens com menções de destaque ao Brasil nos sete veículos da imprensa estrangeira analisados pelo Índice de Interesse Internacional (iii-Brasil). 

O tom da cobertura foi majoritariamente neutro. No total, 67% das reportagens de tom neutro representam assuntos com natureza factual sobre o país, sem indicação de prejuízo a sua reputação no exterior. O período registrou ainda 25% de textos com tom negativo, com potencial de piorar o prestígio do país no mundo. Já a proporção de notícias positivas, com potencial de melhorar a imagem do país, foi de 8%.

https://interessenacional.com.br/edicoes-posts/entenda-como-funciona-o-indice-de-interesse-internacional-monitoramento-de-noticias-sobre-o-brasil-no-exterior/

Entre os veículos de imprensa analisados, os jornais de Portugal, da Espanha e da Argentina mantiveram ao longo da semana uma cobertura mais ligada à política brasileira. Foram muitas as notícias sobre as campanhas eleitorais de Lula e de Bolsonaro, com menções ao tom apelativo, questões duvidosas e interpelações religiosas usado pelos dois campos partidários da disputa. 

Com foco na parte econômica, El País publicou uma reportagem alegando que a melhora na economia brasileira está dando um respiro à campanha de Bolsonaro. Por outro lado, publicou um outro artigo indicando que toda a América Latina deve ter retração em suas economias nos próximos anos. 

O Clarín menciona que ambos Lula e Bolsonaro estão envolvidos na batalha do “vale tudo” nestas duas semanas antes do segundo turno, com trocas de acusações e insultos em uma luta feroz para somar votos.

Já o Público, comenta sobre as eleições no Brasil como uma guerra de narrativas de ataques e contra-ataques entre esquerda e direita nesse momento pré-eleição, com uso de noticias enganosas e incipientes.  

Le Monde, da França, e The Guardian, do Reino Unido, também mencionam o segundo turno da eleição, mas em um volume bem mais reduzido do que nas outras semanas. 

Retrospectiva 

Desde o início de abril, o iii-Brasil, ao estudar a imagem internacional do Brasil, coletou e analisou em média 59 reportagens por semana com menções de destaque ao país nos sete veículos de imprensa analisados. 

Ao longo do levantamento das últimas 27 semanas, o iii-Brasil registrou em média 51% de reportagens de tom neutro, 38% de menções com tom negativo e 11% de textos positivos sobre o país. 


*Daniel Buarque é editor-executivo do Interesse Nacional, doutor em relações internacionais pelo programa de PhD conjunto do King’s College London (KCL) e do IRI/USP. É jornalista, tem mestrado em Brazil in Global Perspective pelo KCL e é autor dos livros “Brazil, um país do presente” (Alameda) e “O Brazil É um País Sério?” (Pioneira).

Fabiana Mariutti atua como professora universitária, pesquisadora e consultora; obteve pós-doutorado, doutorado e mestrado em Administração e bacharel em Comunicação Social. Estuda a marca Brasil desde 2010. Autora dos livros: “Country Reputation: The Case of Brazil in the United Kingdom: Four Stakeholders’ Perspectives on Brazil’s Brand Image(2017) e Country Brand Identity: Communication of the Brazil Brand in the United States of America (2013).


O Índice de Interesse Internacional (iii-Brasil) é uma análise da imagem do país realizada a partir de um levantamento sistemático de dados sobre notícias que mencionam o Brasil a cada semana em sete publicações internacionais, selecionadas como representativas da imprensa internacional por serem reconhecidas internacionalmente como “newspapers of record”. São elas: The Guardian (Reino Unido), The New York Times (Estados Unidos), El País (Espanha), Le Monde (França), Clarín (Argentina), Público (Portugal) e China Daily (China).

Artigos e comentários de autores convidados não refletem, necessariamente, a opinião da revista Interesse Nacional

Cadastre-se para receber nossa Newsletter