[stock-market-ticker symbols="AAPL;MSFT;GOOG;HPQ;^SPX;^DJI;LSE:BAG" stockExchange="NYSENasdaq" width="100%" palette="financial-light"]

in news

Edição 64 da Revista Interesse Nacional é publicada

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email
Share on print

A seleção de artigos, que se desdobram por diferentes aspectos, procura compreender em que momento nos encontramos como nação e quais rotas o governo busca traçar. Nas relações exteriores, o movimento é pela diplomacia da reconstrução e a reconstrução da diplomacia já vivenciada

Inauguramos 2024 juntamente com o segundo ano do terceiro mandato do presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Isso, após eleições disputadíssimas e, até mesmo, uma tensa ameaça à democracia brasileira, com violentos ataques e depredações em 8 de janeiro à beira de completar um ano. Assim, nada mais natural, diante da delicada cena política ainda vivida no País, que, nesta edição, a Revista Interesse Nacional dedique-se a apresentar um balanço do primeiro ano de governo do atual líder escolhido pela maioria dos brasileiros para quatro anos de gestão.

Clique aqui para baixar a versão completa em PDF

A seleção de artigos, que se desdobram por diferentes aspectos, procura compreender em que momento nos encontramos como nação e quais rotas o governo busca traçar. Nas relações exteriores, o movimento é pela diplomacia da reconstrução e a reconstrução da diplomacia já vivenciada. Na economia, registram-se surpresas em 2023 e avaliam-se as perspectivas que o país terá à frente. Há também análises sobre o desempenho de setores relevantes como o agropecuário, a área de energia e das relações civis-militares no 1o ano da nova gestão do presidente Lula. 

Na árdua tarefa de se recuperar o bom debate político, perdido nos últimos anos por extremismos improdutivos, destaca-se a constatação: o presidente pode muito, mas não pode tudo. Também na agenda científica a demanda segue gigante após arrumação do negacionismo da gestão anterior, assim como a volta com destaque da agenda ambiental onde o Brasil costumava ser celebrado.

Esperamos que apreciem a leitura e desejamos um democrático bom ano para todos nós!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

newsletter

Receba as últimas atualizações

Inscreva-se em nossa newsletter

Sem spam, notificações apenas sobre novas atualizações.

Última edição

Categorias

Estamos nas Redes

Populares