Fausto Godoy: O Brasil, a China e a tal da ‘parceria estratégica’

Visita do presidente Lula e ampla comitiva a Pequim inclui uma lista de acordos em diferentes áreas, como iniciativas na pauta ambiental. Para embaixador, sem vontade política, esses documentos permanecem como simples ‘acordos de vontade’, e é preciso um real pragmatismo que vença os preconceitos para desenvolver parceria não somente abrangente, mas efetiva