Com Lula, Brasil volta a usar política externa para avançar agenda doméstica, diz Sean Burges

Daniel Buarque 04 novembro 2022

Novo governo assume após ‘hiato’ da diplomacia brasileira e vai enfrentar contexto global complicado por guerra na Europa e disputas entre EUA e China. Para o professor de relações internacionais na Universidade de Carleton, no Canadá, o Brasil pode voltar a trabalhar para assumir um papel de liderança do Sul Global para ganhar voz internacional e ajudar a promover o desenvolvimento interno

Eleições no Brasil: Vitorioso, Lula enfrentará uma luta árdua – uma economia danificada e um país profundamente dividido

Anthony W. Pereira 02 novembro 2022

Novo governo terá uma batalha difícil na economia e especialmente na política, onde aliados do presidente de extrema-direita conquistaram posições políticas poderosas em todo o país. Para o cientista político Anthony Pereira, Bolsonaro pode estar prestes a deixar a Presidência, mas o bolsonarismo não vai a lugar nenhum

Benjamin Junge: Falta de diálogo em eleição polarizada é ruim para a democracia

Daniel Buarque 27 outubro 2022

Aumento da violência política no país reflete o avanço do discurso autoritário em uma sociedade contraditória e com sentimentos ambíguos em relação à política, explica antropólogo na State University of New York. Para ele, definição de um novo presidente dificilmente vai superar as divisões abertas pelas disputas dos últimos anos

A recuperação eleitoral de Bolsonaro no primeiro turno nos lembra por que os líderes populistas são tão populares

Daniel Buarque 10 outubro 2022

Políticos como Bolsonaro, Trump, Boris Johnson, Giorgia Meloni e Modi são muitas vezes vistos como inelegíveis, mas continuam a ter sucesso eleitoral em muitas partes do mundo. Em artigo, o professor de segurança nacional na universidade de Hull Robert M. Dover explica que eles usam redes sociais de forma eficiente para promover ideias simples, explorar emoções e alinhar sua persona pública à de alguém que luta contra o sistema

A religião está moldando a eleição presidencial do Brasil, mas os evangélicos do país não são os mesmos dos EUA

Daniel Buarque 03 outubro 2022

Bolsonaro e Trump são muito parecidos na forma como usam a religião, mas a maneira como as comunidades evangélicas funcionam e como a religião molda a política é diferente em cada país. Pesquisa sugere que os cristãos conservadores não serão uma base tão consistente no Brasil como são nos EUA

Bryan McCann: Mesmo se perder e aceitar derrota, Bolsonaro continuará ameaçando a democracia

Daniel Buarque 29 setembro 2022

Para historiador americano, comparação com situação dos Estados Unidos após a saída de Donald Trump do poder mostra que risco ao estado de direito continua existindo mesmo que haja uma mudança no governo brasileiro após as eleições

Milícias não são uma questão temporária de segurança pública; elas fazem parte da máquina política e vieram para ficar

Daniel Buarque 28 setembro 2022

Preocupação global com ação de grupos criminosos organizados na eleição brasileira deste ano ignora a longa história de violência política, troca de favores e clientelismo no país, com presença frequente de coronéis e ação de milícias, esquadrões da morte e grupos de extermínio

Brasil: como políticos populistas usam a religião para ajudá-los a vencer

Daniel Buarque 19 setembro 2022

O uso da religião para reforçar a ambição política não é novidade, mas novo estudo sugere que nos últimos anos a religião foi usada como capital político de uma maneira distinta entre os populistas. Ela ganha força por causa das semelhanças ideológicas entre o populismo e certas formas de religião que aspiram a transformar a ordem social

Matthew Taylor: Sistema político brasileiro mina a democracia por dentro, e risco vai além de ameaças de golpe

Daniel Buarque 14 setembro 2022

Apesar da resiliência mostrada pela democracia brasileira em resposta aos ataques do governo Bolsonaro, professor da American University avalia que o presidencialismo de coalizão vem enfraquecendo este sistema democrático do país por dentro, e pode se tornar um problema no longo prazo.

A diplomacia de cabeça para baixo: Como a chegada de Bolsonaro ao poder transformou a percepção do mundo sobre o Brasil

Daniel Buarque 27 julho 2022

Estudo com base em entrevistas com a comunidade de política externa das grandes potências mostra a deterioração da reputação do país desde 2018, com uma imagem caótica de ruptura com as tradições, ameaças às instituições e incertezas nas relações com o resto do mundo

Cadastre-se para receber nossa Newsletter